Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

27 de setembro de 2016

Piper | Pixar Animation Studios | Considerações sobre

Gostou do post? Então clique no botão ao lado e compartilhe-o!

Com a chegada de Procurando Dory nos cinemas, a Pixar embarcou na estreia do filme para lançar um novo curta do estúdio. Piper é o mais novo curta da Pixar! 

Confira abaixo nossas Considerações sobre o curta-metragem, e diga-me o que achou sobre o mini filme nos comentários ao final da página. 

Considerações sobre 
Piper 
Pixar Animation Studios, 
2016

O que dizer dos curtas de animação da Pixar Animation Studios?

Se os filmes já nos trazem tamanha euforia com o lançamento no cinema, o que faz com que junte todos para assistir, o que dizer dos curtas da Pixar. 

E com essa pergunta que não é lá muito difícil de se responder, que decide trazer a você essas considerações para poder apresentar um novo curta da produtora. Em cada filme da Pixar temos a oportunidade de presenciar com os próprios olhos algo inovador. E não estou me referindo só aos longa-metragens, pois a produtora não se limita e busca levar sempre um a mais nos seus trabalhos. A Pixar sempre busca contar uma história há mais, para acompanhar seus filmes no cinema. Essas pequenas histórias são tão impactantes quanto o filme em si, e trazem no seu contexto algo que nós precisamos observar.

Diversos filmes da Pixar Animation Studios ganharam curtas animados conforme o lançamento do filme no cinema. 

O maior catálogo que a produtora tem em curtas é o filme Toy Story (1995). São diversos curtas utilizando-se dos personagens (centrais ou não) para trazer uma pequena nova história ao público. E como é de se esperar da Pixar os seus curtas são recheados de personagens encatadores e histórias impactantes. Com Piper não foi diferente.

O curta animado Piper estreou nos cinemas minutos antes da estreia oficial de Procurando Dory, no dia 30 de junho de 2016. A história de Piper gira entorno de um pequeno pássaro fêmea em sua primeira experiência para se cuidar sozinha. Mostrando a dificuldade da mesma para com certas situações até então desconhecida pelo pássaro. E que agora era obrigada a vivenciar, para poder sobreviver. São histórias simples aos olhos de cada um, no entanto, nas mãos da Pixar se tornam histórias tão boas que qualquer um se interessa em querer assistir.

Mais Considerações sobre 
>> Os Pinguins de Madagascar da DreamWorks Animation

Piper foi dirigido pelo animador Alan Barillaro que esta na Pixar desde 1998. 

Alan já trabalhou em diversos filmes da Pixar daquele tempo, até os tempos atuais. Foram diversos filmes com a participação dele, dentre eles temos: Procurando Nemo, Wall-e, Monstros S.A., Vida de Inseto e etc. Como a idéia original do curta saiu das mãos de Alan, a Pixar Animation Studios colocou ele à frente da direção do curta. 

Revelando a nós que acompanhamos as histórias que a Pixar conta, um nome até então desconhecido, mas por um lado mostra que a Pixar leva a sério o que faz. Mostrando que está apostando em seus funcionários, colocando na frente deles, oportunidades para aqueles que estão por trás da câmeras, no lado obscuro dos bastidores. E isso é o que realmente destaca a magia que a Pixar possui.

A esperança que se mantém viva é que a Pixar divulgue em seu canal na internet o curta Piper. Como já fez com diversos curtas de Toy Story. 

E você, qual é o seu curta-metragem favorito da Pixar? Assistiu a Piper no cinema, diga para nós como foi? 

E antes de encerrar fique abaixo com algumas informações sobre Piper:

Nome: Piper (curta)

Estreia: 30 de junho 2016 

Direção: Alan Barillaro 
Fotografia: Erik Smitt
Produção: Marc Sandheimer
Trilha sonora: Adrian Belew

Nenhum comentário:

Postar um comentário