Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

18 de junho de 2014

Resenha: Como Treinar o seu Dragão 2

Gostou do post? Então clique no botão ao lado e compartilhe-o!

Atenção! Pode haver spoiler.

O primeiro filme é sempre uma apresentação, algo parecido como conhecer uma pessoa. Somos apresentados aos personagens, a história e por fim para dentro daquele "universo". Assim foi Como Treinar o seu Dragão.

Mas a história agora é outra, pois não se trata mais de apresentação, agora, estamos em outro estagio. O segundo filme, já que se trata de uma trilogia, tem que ser tão bom quanto o primeiro. O filme tem que se apresentar tão bem quanto o anterior e isso nem sempre funciona.

Apostar nos mesmos quesitos do primeiro filme, em um segundo filme, é tão medíocre quanto apostar sempre os mesmos números na loteria, você vai fazer sempre a mesma aposta, sabendo que um dia vai ganhar, no entanto, como se trata de um filme isso não cai bem. E chega a ser idiotice apostar os mesmos números na loteria.

Como Treinar o seu Dragão 2 agora tem o dever de nos expandir para alem daquele "universo".

A animação tem de nos apresentar coisas novas, novos lugares, personagens e uma nova temática. E e isso que Como Treinar o seu Dragão 2 faz. Dean DeBlois diretor e roteirista da animação tem agora esta responsabilidade. E tudo o que ele não pode fazer é nos apresentar, principalmente ao fãs que é um publico muito mais rigoroso, um filme repetitivo, o filme tem que demonstrar que evoluiu que as coisas aconteceram.

Cartaz do filme Como Treinar o seu Dragão 2
Os personagens são os primeiros a nos apresentar isso, já que eles são peças, mais do que fundamentais no filme. Pois eles vivem aquele universo diferente de nos que somos apresentados a ele. E se esse universo se expandiu, evoluiu, os personagens serão os primeiros a sentir na pele isso.

Nesta segunda parte da trilogia os personagens estão agora cinco anos mais velhos. Se o tempo foi bom ou não, isso todos poderemos analisar. Soluço enfrentou uma regra ríspida no primeiro filme: os vikings desde a antiguidade se dedicam a matar dragões. Isso é uma regra, e esta imposta desde sempre. Esta trama que esta sobre o primeiro filme, e Soluço tenta simplesmente provar o contrario desta regra.

Um pouco disto estará no segundo filme. Só que agora com todo o amadurecimento dos personagens Soluço terá de se tornar responsável. Isso seu Pai, Stoico, cobrará bastante do personagem. O que levará Soluço a se questionar sobre seu passado, e novos personagens aparecerão, como e o caso da Mãe de Soluço. Seu relacionamento com Astrid também e bastante abordado e esta atenção com o desenvolvimento dos personagens é um ponto a se elogiar no filme.

E o que disser das belas cenas de Soluço e Banguela em pleno voo, algo simplesmente fantástico e empolgante no filme.

Podem esperar algo de bom, pois o filme proporcionará isso. Esta franquia - inicialmente concedida como uma trilogia - tem potencial e se depender do publico vai longe. A história do filme avança de uma forma que faz com que não ficamos de saco cheio, e se torna legal em certas partes. O roteiro do filme é a ideia da película se trabalhada corretamente pode avançar e gerar ainda mais fãs.

Filme mais do que recomendável.

Nota de 0 a 10:  8,0 

* * *

DreamWorks Animation Studios
Como Treinar o seu Dragão 2, 2014
Direção: Dean DeBlois
Elenco: Jay Baruchel, America Ferrera, Gerard Butler, Jonah Hill, Kit Harington, T.J. Miller

  

Nenhum comentário:

Postar um comentário