Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quinta-feira, 12 de junho de 2014

20 anos de O Rei Leão - Parte 2

Gostou do post? Então clique no botão ao lado e compartilhe-o!

Esta é a segunda parte do nosso especial dos 20 anos de O Rei Leão. Na primeira parte, publicada em Janeiro deste ano, falamos um pouco sobre como o filme foi recebido pelo público em geral e alguns dos prêmios que o filme ganhou.

Nesta segunda parte, atrasada eu admito, vamos abordar ainda mais este universo, com informações sobre a produção do filme, os personagens, e mais alguns detalhes. Então prepare-se para conhecer ainda mais este filme lançado nos cinemas a vinte anos atrás. O texto deste especial será longo, então se estiver sem tempo favorite para ler depois.

Cena da animação O Rei Leão (1994) Walt Disney 

Minha intenção quando fui escrever este especial no começo do ano e conhecer mais o filme, e detalhes sobre a produção para passar isso para vocês. Pesquisei e procurei saber mais sobre a animação. Olhando para a primeira parte do especial, vejo que fico uma merda. Cheio de erro de ortografia, tudo mal organizado, enfim espero que esta segunda parte fique melhor.

O Rei Leão é um sucesso tanto em bilheterias quanto em polemicas. Contudo o sucesso do longa é mais expressivo do que esses pequenos problemas em que o filme, querendo ou não, se envolveu. O Rei Leão é o 32° longa-metragem em animação da Disney.

Mais que polemicas são essas? Bom, a que mais se destaca é que a Disney simplesmente plagiou, na cara de pau, a obra de Osamu Tezuka, chamada Kimba - O Leão Branco, um mangá criado por Tezuka e que depois de algum tempo viria a se tornar anime em 1965.

As semelhanças entre O Rei LeãoKimba - O Leão Branco são muitas, citarei logo abaixo algumas destas semelhanças e vocês julguem como quiserem.


Semelhanças  :  Kimba - O Leão Branco e O Rei Leão


- A primeira semelhança é o nome do personagem principal "Kimba" e "Simba". Os nomes se parecem tanto, que fica claro para os fãs o simples "S" e "K" no começo de cada nome.

- Tanto no mangá como no filme, ambos os leões não assumem o trono de Rei de imediato, eles se aventuram e só depois retornam para lutar pelo que é deles de direito. Este ponto também foi visto e bastante criticado por todos, de tanto que se parecem.

- Assim como os personagens a história do filme também se parece bastante com o mangá de Osamu Tezuka.



Osamu Tezuka possui uma carreira de notoriedade desde seu primeiro trabalho em 1946, onde tinha apenas 17 anos de idade. O tempo passou e seu trabalho e nome era cada vez mais respeitado. Com facilidade para criar histórias e desenhar, Tezuka fez fãs por onde suas obras passavam.

Esses fãs que acompanham Tezuka até os dias atuais foram os primeiros a se questionar, assim quando em 1994, o filme O Rei Leão ser exibido nos cinemas.

Os fãs além dos herdeiros de Tezuka notaram as diferenças e semelhanças entre as duas obras, e foram lutar pelo direito do autor na justiça. O processo em que os fãs jogaram nas costas da Disney, era para que a produtora colocasse, pelo menos, o nome de Tezuka nos créditos finais da animação O Rei Leão. Depois de algum tempo, desistiram de mover a acão contra a Disney na justiça.

Além disso, diversos fãs se sentem lisonjeados de alguma forma pela Disney, e levam todas essas "semelhanças" como um elogio e respeito a carreira de Tezuka.

De certa forma, a inspiração da Disney para produzir O Rei Leão foram varias. A pelicula tem inspiração na peça teatral de Shakespeare, e histórias da Biblia. E não e atoa que tanta polemica cerca o filme.

O Rei Leão demorou cerca de quatro anos para ser exibido nos cinemas. Tamanho tempo e dedicação renderão bons frutos a Disney. Todo este tempo em relação a produção do filme reflete a tecnologia da epoca, já que estamos nos referindo a um filme do ano de 1994.


Com a boa aceitação do publico para com o filme, as bilheterias se esgotando, a Disney resolveu "trabalhar" ainda mais em cima da pelicula para assim pode extrair o melhor do filme.

E então a Disney mudou o filme de cenario, adaptou toda a história da animação e levou-a aos palcos da Broadway. Como diversos filmes da Disney Pixar que depois de um longo periodo acabam sendo re-lançado nos cinemas em versões 3D, e o caso de Monstros S.A., e daqui a algum tempo Ratatouille e Os Incríveis, com O Rei Leão não foi diferente.

O filme foi exibido, novamente, em versão 3D em setembro de 2011.

Após cerca de 17 anos desde sua última aparição nos cinemas. Levando de volta as poltronas do cinema aqueles que se encantaram com a animação em 94, fazendo assim novos fãs, que não tiveram a oportunidade de assistir ao filme assim em que ele foi lançado.

Muitos dos filmes da Disney marcaram a história da produtora. Alguns inclusive lembrados até hoje. Contudo, este filme possui grandes fãs, pois abrange ainda mais o poder de se contar uma verdadeira história em que a Disney tem em mãos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário